Interações

Etapas de construção de sucesso do blog

Publicado por Marilvia Oliveira em 09/02/2013 às 08h20

Agonia da escrita

Ao criar blog, a primeira expectativa do blogueiro é produzir muito conteúdo. Os primeiros dez posts que ele publica já o deixam mais seguro. Seu tema já tomou um rumo. O foco de seus posts conduz a um conhecimento que irá se consolidando progressivamente. Cinquenta posts já pode ser considerado um blog bem consistente – lógico, se as premissas de construção de posts forem seguidas. Chamo esta primeira etapa de agonia da escrita.

Agonia dos acessos

Vencida a agonia da escrita, o blogueiro começa a sentir necessidade da audiência. Ele quer, primeiro, os acessos - esperava por isso desde sua decisão de criar blog. Os degraus de acessos são contados mais ou menos assim: 50 acessos, 100 acessos, 500 acessos. Quando se atinge 1000 acessos, o blogueiro está feliz e sente que tomou a direção certa. Chamo esta fase de agonia dos acessos. Só sabe o que estou dizendo quem lutou e venceu esta etapa, chegando aos 500 acessos. Antes, a luta é árdua e a incerteza , uma constante.

Agonia dos comentários

A necessidade de audência, contudo, tem seu segundo momento – vencida a etapa dos acessos. O blogueiro quer o interlocutor, quer os comentários, quer a interação com pessoas concretas. Quando isso ocorrer, pode até verificar que, nem sempre, seu leitor tem o perfil que ele imaginou. Chamo esta etapa de agonia dos comentários.

Chamada à ação

A quarta grande etapa é a chamada à ação. Tenho audiência mas para que efeito? Os comentários são uma etapa tão importante quanto dar as mãos, ou dar um beijo na face do outro, quando nos encontramos. Mas levar o outro a tomar um café com você é o desafio desta etapa de chamada à ação. Para que ações você quer este público? Pode ser a compra de um e-book, pode ser matricular-se em um curso que você agendou, pode ser comprar um produto que você decida lançar, enfim, deve ser algo concreto para o qual há um valor, mesmo que simbólico. Este público vai mostrar que paga porque acha que ali há valor.

Um conselho – nem sempre se precisa esperar a fase da chamada à ação, para ela acontecer. Você pode antecipar o processo, se planejar bem, e logo no início lançar um ebook, chamando todo mundo que entrar, mesmo na fase da agonia da escrita, para esta ação. Voltaremos a este tema.

Um lembrete importante: se você já está na fase da agonia dos comentários, comece a verificar, na  plataforma do sitePX, como irá colocar no ar uma loja virtual. Pode ser que, rapidamente, você tenha interesse em fazê-lo.

 

Obs. Infográfico construído no site easel.ly

Categoria: Criar Blog, Interações, SEO
Comentários (0) e Compartilhar

Três pontos de alavancagem de seu blog

Publicado por Marilvia Oliveira em 07/02/2013 às 09h00

Existem alguns aspectos importantes que devem fazer parte de sua estratégia para que tenha uma linha de conduta clara e crie um blog consistente, no médio e longo prazo.

Tamanho do post

Um dos aspectos que merece sua atenção ao criar blog é o tamanho do seu post. Não fique preso a um número de caracteres preciso. Defina uma faixa de caracteres. Os posts com até 1200 caracteres serão lidos com mais facilidade. Os que tiverem mais de 1800 caracteres irão requerer um leitor com tempo e atento ao tema. Estabeleça que você escreverá entre 900 a 1800 caracteres, indo para o limite superior quando o tema realmente necessitar esta expansão porém ficando mais na base para que o seu leitor goste de ler o seu post, sem cansaço, e não adie a leitura pois não tem tempo. No médio prazo, esta estratégia funciona bem. Ao criar blog no sitePX você tem a sinalização de número de caracteres em várias áreas da plataforma para não ser perder neste sentido.

Frequência do post

Com que freqüência irá postar é outra definição estratégica para ser tomada de início, logo que criar blog. Se postar diariamente, terá mais chances de se tornar expressivo. No entanto isto é trabalho duro demais. Postar diariamente requer não só disposição mas um tema que esteja em uma área dinâmica. A freqüência é resultado de inspiração + vibe da área escolhida + disponibilidade de seu tempo. Uma boa média é postar 2 a 3 vezes por semana. A plataforma do sitePX ajuda com o recurso de agendamento dos posts. Você os prepara com antecedência e publica nos dias da semana planejados.

Promoção do blog

Defina seus objetivos e um prazo. Um prazo para que um blog comece a despegar do chão é de um a dois anos. É muito? Este tempo pode ser reduzido se você tiver freqüência perfeita (como definido anteriormente), tiver um tema interessante e souber abordá-lo de forma criativa e, finalmente, promova o seu blog para valer. O sitePX lhe dá as pontes imediatas com as redes sociais mas o trabalho de promovê-lo no seu facebook, twitter, linkedIn ou outra rede é seu e precisa de uma estratégia bem clara, onde também a frequência contará.

Estes três aspectos são verdadeira lição de casa para o blogueiro que quer ter sucesso. Invista neles!

Categoria: Conteúdo, Criar Blog, Interações
Comentários (0) e Compartilhar

Qual o perfil do leitor do seu blog?

Publicado por Marilvia Oliveira em 05/02/2013 às 09h10

Ao criar blog, imaginamos um público a ser atingido – pessoas  de nossa faixa etária, pessoas com mais de 18 anos, pessoas de 25 a 35 anos - e assim por diante. Nem sempre temos isso claro mas é esta intuição de quem é o nosso público que define nossa linguagem, estabelece nossos temas e até mesmo nos indica o tipo de imagem que colocaremos em cada post.

Você pode tornar esse direcionamento bem específico, se desejar. Mas por que o faria? Porque você vai dar uma racionalidade a seus posts e a seu blog de forma geral. Quando a gente escreve de forma muito genérica, acaba não atingindo ninguém.

Uma dica fantástica para você que acabou de decidir criar blog. Mas também para quem já tem blog e quer fazer uma pequena reforma para que ele tenha uma alavancagem. Vá ao site do IBOPE e clique em um destaque que está na home e que se chama APRENDA. Ali, você é convidado a descobrir a qual geração você pertence. Busque o seu ano de nascimento e verá, a seguir, a descrição de sua geração.

Imagine que você nasceu em 1974, você pertence à geração Y. Como ela é? Transcrevo aqui, direto do site do IBOPE:

De acordo com o TARGET GROUP INDEX, do IBOPE Media, os membros da geração Y mostram ter uma veia ambiciosa: 75% gostariam de, algum dia, abrir seu próprio negócio; 79% querem atingir o topo mais alto de sua carreira e 58% gostaria de empreender uma vida de aventuras, novidades e mudanças. A internet é peça chave para esta geração, com 73% deles acessando pelo menos uma vez por semana. E o primeiro lugar de busca de informação é a internet, para 56% deles.

Acompanhando os anos seguintes, verá que a tal da geração Y, pela visão sociológica, vai de meados dos anos 70 a meados dos anos 90, quando surge a geração Z. Se a geração Y gosta de internet, a geração Z  veio para interagir loucamente com os equipamentos digitais.

Ao criar blog e inserir posts para um público específico, pense como cada geração estará interagindo com a sua informação e se  há gerações que você não leva jeito para atender bem. O sitePX lhe permite colocar destaques em seu blog. Você poderá até inserir um destaque em uma barra lateral do blog, com o título Amigos da Minha Geração, ou Gerações do Blog X, ou algo similar - com link para uma página onde você descreve duas a três gerações que espera atingir com o seu blog. É uma curiosidade e aproximará seu público do seu blog.

Acesse o IBOPE: 

http://www.ibope.com.br/pt-br/ibope/Paginas/default.aspx

Categoria: Conteúdo, Interações, SEO
Comentários (0) e Compartilhar

Memes e virais – é fácil criar?

Publicado por Marilvia Oliveira em 12/01/2013 às 10h00

Meme é um termo criado em 1976 por Richard Dawkins com o sentido de uma unidade de informação que se multiplica de cérebro em cérebro. Diferente de viral, que é algo que se espalha em rápida velocidade.

Existem vários blogs de meme como o Memes Brasil. Que blog de meme você  usa para selecionar seus memes?

Hoje, o pessoal se farta de copiar memes e incluí-los em suas páginas do facebook, às vezes até em freqüência excessiva que chega a cansar o leitor. O meme traz a crítica, a inconseqüência, os preconceitos, o humor - ele é, enfim, meio iconoclasta. Para aqueles a quem a linguagem às vezes grotesca não agrada, há memes engraçadinhos, leves que vão de encontro a preferências mais singelas.

O meme está evoluindo para contar uma pequena história, por isso, as tirinhas são o melhor espaço para elas. E outra direção desta evolução é a inclusão no marketing. Ao criar blog de um assunto determinado, considere incluir, além de imagens - vídeos e memes, em um equilíbrio com o texto e o conjunto de suas postagens. A plataforma de sitePX permite que você crie o blog e possa incluir vídeos, galeria de memes e outros arquivos, ao criar blog com seus recursos.

Vou citar algo que pode estimular sua criatividade. Em 2004, um meme criado por um site norueguês – Prikk – comparou Estados Unidos e Europa. Eram duas mulheres, usando calça comprida. A européia, em boa forma, com uma cestinha com vinhos e a segunda, norte-americana, muito gorda, com cestinha de produtos do McDonald´s. No ano seguinte, surgiram várias versões deste meme, e até mesmo um template (veja ao final), que facilitou a comparação relativa a outros temas como trens, carros, etc. Da mesma forma, o meme foi adaptado para comparar países e USA.

Pense em um meme que possa dar origem a um template e daí receber a contribuição de inúmeras pessoas. Hoje, pessoas mais familiarizadas com o trato da imagem, criam seus próprios memes a partir de outros. Na literatura da área, observa-se a presença do Brasil como no meme Tenso, onde vários frames de uma foto são mostrados até que um deles, em close, mostra alguém com expressão totalmente contrária à dos demais, evidenciando estar tenso. Há quem diga que Tenso nasceu em um site estrangeiro e outros defendem que foi no Uol Jogos “Vale Tudo”. Independente da origem, mostra a força do Brasil no tema. Novelas como Avenida Brasil usaram os memes e divertiram muita gente (é culpa da rritaa! - lembram-se?)

De forma geral, contudo, meme é algo fácil de encontrar e copiar mas não tão fácil de fazer nem de recriar. Você tem que ir na essência de um assunto, contexto, relação - para encontrar o ponto de ironia ou humor e ali centrar o seu meme. Por isso passa de cérebro a cérebro de maneira tão forte. Mexeu com algo lá dentro de você. Templates, porém, ajudam para este fim. Como disse, deixe sua criatividade voar e inclua em seus recursos.

Categoria: Conteúdo, Criar Blog, Interações
Comentários (0) e Compartilhar

O que um almoço de negócios ensina

Publicado por Marílvia Oliveira em 10/01/2013 às 10h00

Muita gente reclama de que não tem assunto para o blog da empresa. No entanto, após um almoço de negócios, ou uma reunião negociação com cliente, as pessoas saem com várias informações na cabeça, entre as quais:

- pontos onde não conseguiu fazer um jogo ganha-ganha com o cliente e que constituem aprendizado em novas negociações

- pontos em que o cliente tem know how que precisa ser respeitado e traduzido em novas informações para o negócio

- informações sobre como anda o mercado em que vocês atuam

- informações sobre estratégias e táticas da concorrência

- sugestões que o cliente fez para aprimoramento de seus serviços e produtos

- passos importantes para se conseguir fechar o negócio com o cliente e que serão lição de casa para áreas da empresa.

 Tudo isto é comentado nas conversas de corredor ou elevador mas poderiam ser pontos de um briefing que seus funcionários lhe passassem por email. Algo de, no máximo, 1200 caracteres. Se instalar este procedimento, verá como estará colhendo material riquíssimo para um blog de sua empresa. Arredonde a informação, coloque-a em contexto neutro para que se preserve o conceito e não o caso. Refine o texto e crie um post para o blog.

As interações sociais em contexto de negócios sempre são ricas de informações que acabam perdidas porque ninguém as registra.

Vou dar um exemplo. O filme Negociação (Arbitrage), com Richard Gere é sobre a venda de seu império e o envolvimento de sua família no processo. Um dos momentos brilhantes do filme é quando Richard Gere - desesperado porque o comprador Mayfield posterga a compra, alegando “compliance” e outros motivos pífios - questiona seus parceiros sobre o que realmente ouviram. Somando os fatos, percebe o que está ocorrendo com Mayfield e acha a chave para fechar a negociação antes que descubram a fraude em que está envolvido. Outro aspecto do filme é como, em um diálogo no parque, com a filha, ele explica o que é fazer hedge – expressão que nem sempre a média das pessoas entende. Seu exemplo é claríssimo e explica melhor o contexto de fraude em que se vê envolvido.

Ao criar blog para a sua empresa, instale ligações com as redes sociais – o sitePX lhe permite fazer isto rápido – e obtenha uma rede de informações. Além disso, use a riqueza de informações ao seu redor, especialmente em momentos em que as pessoas estão comprometidas com o processo de discussão, como é um almoço de negócios – para registrar dados relevantes que alimentarão o blog de sua empresa e o tornarão extremamente interessante, em seu setor de atuação.

Leia também: criarsites.net.br

Categoria: Conteúdo, Criar Blog, Interações
Comentários (0) e Compartilhar

Quem tem blog, deve ter site?

Publicado por Marilvia Oliveira em 03/01/2013 às 10h00

O papel de um blog é expor suas idéias e informações sobre um assunto. As pessoas lêem e reconhecem a sua autoridade no assunto, convencendo-se do que você diz e até utilizando as informações, dicas e conselhos ali postados.

Nas ciências sociais, existe o conceito de Authority, em inglês, para designar aquele que tem poder sobre um grupo. Não é um poder de cima para baixo, mas um que nasce de baixo para cima, concedido pelo grupo. É um reconhecimento. Como diz no Wikipédia: é um uso do poder aprovado ou legitimado socialmente.

O que as pessoas querem, contudo, é que você escreva sobre coisas de que tem conhecimento e que realmente as ajude. Este conhecimento você comprovará com um site que fale de seu trabalho, exponha seu curriculum vitae e mesmo cite projetos dos quais participou.  Se iniciar um blog novo, é ali também que irá noticiar, assim como poderá tirar fotos de você em congressos, seminários ou outros eventos que importam para a formação e atualização de seu conhecimento e evidenciem isso para o seu leitor.

Por esse motivo, já deveria ter um site. Criar site é simples e leva poucos minutos desde que você use uma plataforma como sitePX. Lá você também pode criar blog. A questão é que, além de lhe permitir criar, o sitePX lhe dá o caminho para linkar o site e o blog às redes sociais e criar verdadeira conexão entre todos os seus trabalhos na web. Esta rede profissional revalida a autoridade que você mostrará em seu site.

Leia também: criarsites.net.br

Categoria: Criar Blog, Interações
Comentários (0) e Compartilhar

Tecnologia com toque humano: receita para um bom blog.

Publicado por Marilvia Oliveira em 29/12/2012 às 09h10

John Naisbitt, na década de 80, escreveu um livro que marcou época: Megatrends. Ele antevia uma sociedade fortemente marcada pela tecnologia mas com imensa demanda de atenção, o que ele chamou de high-touch, ou, como se costuma traduzir – toque especial, o fator humano nas relações.

Ao decidir criar blog, não se esqueça de que a tendência citada por Naisbitt é uma realidade com que você deve se confrontar hoje, se quiser ter sucesso.

Seu blog deve ser bem estruturado, com recursos tecnológicos como widgets, interação com redes sociais, e mesmo abas especiais para temas complementares ao tema central do blog. Isto tudo você consegue na plataforma do sitePX pois ele vem completo – tem todas as ferramentas que você necessitaria para um site, e que pode usar para criar blog.

No entanto, no âmbito do high-touch, você tem que se colocar inteiro lá. Quando comentarem em seus posts, responda imediatamente. Se encontrar sugestões de temas ou comentários que gerem temas, escreva posts sobre eles e divulgue que o internauta foi sua inspiração. Sempre agradeça a interação mesmo que sejam críticas. Não leve discussões em tom agressivo – procure ser conciliador, ponderado, amistoso. Mostre sempre todos os lados de uma questão. Ou, se o interlocutor for desafiador e forçar situações, faça como o rio, serpenteie e passe para o outro lado. O toque especial é de total responsabilidade sua.

Leia também: criarsites.net.br

Categoria: Criar Blog, Interações, Redes Sociais
Comentários (0) e Compartilhar

GUEST POST: Feliz por estar no Século XXI

Publicado por Maria Conceição de Souza em 21/12/2012 às 16h28

Agradeço o convite para escrever no criarsite.blog.br. Primeiro quero dizer que é importante ter blogs como este orientando quem quer criar blog.

E aí vem um tema interessante para refletirmos. Até meados do século XX, internet não existia e as pessoas, quando queriam ajudar outras - em suas redações, seus trabalhos escolares, relatórios e coisas assim - o faziam pessoalmente. Nos últimos 30 anos do século XX, com o crescimento da internet, as pessoas começaram a se comunicar, e até a ajudar as outras, pela internet. Isso mudou muita coisa. Vejo que, neste século XXI, as pessoas se visitam menos, não mais escrevem cartas (era tão gostoso receber uma carta pelo correio!) e tem menos interações.  Mas também vejo que muito mais pessoas se comunicam entre si, neste novo século, em função da internet. Quem diria que pessoas iam conseguir ter 100, 200, 1000 nomes ou mais como seguidores de seus blogs, ou amigos no facebook!

Novidade mesmo neste século XXI, na minha visão, foi o Papa ter entrado no twitter. Isto foi inédito porque twitter é uma comunicação curta, e a Igreja Católica é mais ligada a sermões bem trabalhados, encíclicas e textos maiores. O Papa Bento começou no dia 12 de dezembro 2012 (@Pontifex) e hoje, com esta história de fim de mundo dos maias, fui até lá ao twitter do Papa, para ver o que ele dizia. E fiquei feliz em em ver os textos positivos e animadores de hoje. Para o dia 21 de dezembro, ele não fala do fim do mundo mas nos faz refletir sobre a relação do homem com Deus. Está também, do seu jeito, nos ajudando, em seu twitter. Leia os três trechos que ele postou hoje:

1) No final do ano, nós oramos para que a Igreja, apesar de suas deficiências, pode ser cada vez mais reconhecida como a morada de Cristo.

2 ) Não possuímos a verdade, a verdade nos possui. Cristo, que é a verdade, nos toma pelas mãos.

3 ) Quando você nega Deus, você nega a dignidade humana. Quem defende Deus está defendendo a pessoa humana.

Entro em 2013, feliz por ver que estamos caminhando para coisas tão belas e tão inusitadas neste século XXI, que vale a pena ter feito a transição do século passado e estar neste, com todos vocês!

 

Maria Conceição de Souza é administradora e economista. Durante muitos anos, foi executiva na FIESP, coordenando o Departamento da Pequena e Média Empresa. Foi Vice-Presidente da Associação de Mulheres de Negócios de São Paulo. Escreveu o livro MULHER EM AÇÃO (Editora Record - esgot.).

Seu blog é pensamentosdadinda.wordpress.com.

Categoria: Criar Blog, Interações
Comentários (2) e Compartilhar

O momento do guest post é agora!

Publicado por Marilvia Oliveira em 21/12/2012 às 12h31

Um recurso que turbina o seu blog é quando você escreve em outros blogs, artigos exclusivos e que tem tudo a ver com o outro blog. O blogueiro que recebeu seu post, por sua vez, retorna ao seu blog e escreve lá também. É o que se chama guest post e parceria de links. Os motores de busca dão grande importância a esta troca de links.

Cuidados importantes são a exclusividade do seu post e do post de seu amigo, assim como atividades completas, ou seja, não é colocar um link mas efetivamente escrever e contribuir para o contexto do blog.

Você está no momento certo de fazer isso. Quando for escrever e-mails cumprimentando os amigos pelas festas de fim de ano, normalmente você irá procurar uma frase que tenha tudo a ver com a pessoa, não é? Naquele momento de reflexão, pense no que esta pessoa tem como conhecimento diferenciado, no que ela pode estar escrevendo para você e a convide para um guest post. Se ela não tiver um blog, estimule-a a criar blog. Este artigo inicial poderá ser o impulso que estava faltando para ela criar blog. Já dê a dica sobre o sitePX, onde ela poderá criar blog de forma prática e fácil.

Faça disso a forma de celebrar o ano novo com ela, em seu blog! Você verá 2013 nascer com muitos guest posts e uma rede de links estrelando seu céu de blogueiro!

Leia também: criarsites.net.br

Categoria: Criar Blog, Interações
Comentários (0) e Compartilhar

Comentários valem ouro!

Publicado por Marilvia Oliveira em 05/12/2012 às 11h02

Ao criar blog, sua intenção é fazer com que as pessoas o leiam e também interajam. Mas nem sempre isso acontece.

Uma dica é criar polêmica. Se você não quiser confrontar um assunto de forma direta, faça um post como se estivesse imaginando o que diria. "Se eu fosse escrever sobre os recentes shows da Madonna no Brasil, eu diria que ela, mesmo tentando ser iconoclasta, está um pouco ultrapassada... Você pensaria o mesmo, se fosse escrever sobre isso?"

Outro caminho é fazer perguntas e pedir que as pessoas dêem sua opinião. No entanto, não deixe de responder ao que elas comentam, mesmo que seja apenas agradecendo. Se elas forem totalmente contrárias ao que você postou, agradeça mesmo assim e considere que uma opinião contrária é melhor que nenhuma opinião.

Oferecer serviço também é um caminho. Disponha-se a dar aos seus internautas o que eles desejam. Pergunte-lhes sobre outros temas que poderiam sugerir para você postar. Se não vier resposta, coloque alternativas para que elas escolham.

Criar blog é criar diálogo. E comentários são diálogos importantes porque estão se relacionando ao que você escreveu. Em sites monetizados, aqueles que tem anúncios, os comentários tem maior importância ainda pois mostram aos anunciantes que você consegue mobilizar pessoas, de forma ativa, para o seu blog e, consequentemente, para os anúncios deles.

Se você está começando, não se desespere se os comentários não vieram ainda: eles custam um pouco a aparecer. As pessoas querem primeiro conhecer bem o que você escreve para depois se animarem a se manifestar. Não desanime. fale com os seus amigos para que entrem no blog e comentem. Isso estimulará comentários daqueles que você não conhece. Continue escrevendo e eles virão, caso as suas matérias contribuam realmente com o que as pessoas desejam.

Você costuma comentar em blogs? Se não o faz, comente aqui nos informando os seus motivos.

Categoria: Criar Blog, Interações
Comentários (0) e Compartilhar

left show tsN fwB|left tsN fwB|left show fwB|bnull|||news fwB tsN fwR tsY b01 c05 bsd|normalcase fsN fwR b01 c05 bsd|normalcase c05 b01 bsd|login news normalcase fwR b01 c05 bsd|tsN normalcase fwR b01 c05 bsd|b01 normalcase c05 bsd|||